Programa UC Pernambuco

Programa UC Pernambuco promove Oficina de Diagnóstico para três unidades de conservação em Jaboatão dos Guararapes

A Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS), por meio do Programa UC Pernambuco, realizou, nesta quarta-feira (20), na Faculdade Guararapes, em Piedade, Oficina de Diagnóstico Participativo com 35 pessoas envolvidas direta ou indiretamente com três Unidades de Conservação do município de Jaboatão dos Guararapes, que compõem o Agrupamento Metropolitano Sul. Durante o encontro, foram trocadas informações importantes com a equipe do Programa, que servirão para fazer um levantamento das principais características socioambientais, assim como as problemáticas e potencialidades de cada UC.


No âmbito do Programa UC Pernambuco, as Florestas Urbanas (FURB) Mata de Jangadinha e Mata de Manassu e o Refúgio da Vida Silvestre (RVS) Mata de Mussaíba serão contempladas com a elaboração dos diagnósticos socioambientais participativos e planos de manejo, além de abordagens sobre conselhos gestores e indicações de oportunidades de corredores ecológicos. O Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep), organização contratada pela Semas, ficará responsável pela execução do programa nas UCs.


A oficina contou com a participação de moradores, ambientalistas, donos de propriedades particulares, pesquisadores, lideranças comunitárias e representantes do poder público. Por meio de diversas atividades realizadas pelos técnicos do Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep), organização contratada para executar o Programa, juntamente com profissionais da empresa Sistêmica Consultoria, instituição parceira responsável pela mobilização social e por trabalhar os diagnósticos neste Agrupamento, os participantes repassaram dados acerca das três UCs que ajudarão na elaboração dos Diagnósticos Socioambientais. Os resultados subsidiarão as demais etapas do projeto, apontando elementos fundamentais para os Planos de Manejo de cada área.


“O diálogo e a construção coletiva do entendimento sobre a realidade dessas Unidades de Conservação vai ser muito importante para a elaboração dos Planos de Manejo que vão definir as estratégias de conservação e, sempre que possível, o uso sustentável dessas importantes áreas naturais”, afirmou a coordenadora técnica do Programa UC Pernambuco, Maíra Braga.


As três unidades de conservação pertencem ao bioma Mata Atlântica. As Matas de Mussaíba e Manassu estão situadas às margens da BR 232, sendo a primeira inserida na bacia hidrográfica do Rio Jaboatão e a segunda nas antigas terras do Engenho Manassu. Já a FURB Mata de Jangadinha está localizada entre a linha férrea e os bairros de Cristo Redentor, Curado I e Cavaleiro, localidades de alta densidade demográfica, o que gera uma maior pressão por expansão urbana, sendo este o principal impacto negativo sofrido pela FURB.


PROGRAMA – O Programa UC Pernambuco é uma iniciativa da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS) e recebe recursos provenientes da compensação ambiental arrecadados pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), órgão responsável pelo gerenciamento das Unidades de Conservação no Estado. O objetivo é a promoção de soluções integrados no que diz respeito à gestão ambiental de UCs. Ao todo, serão contempladas 47 Unidades, distribuídas por 35 municípios, localizadas em áreas dos biomas Caatinga e Mata Atlântica e ecossistemas associados, que estão divididas em agrupamentos para execução do Programa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.